Quinta-feira, 25 de Fevereiro de 2010

Algumas das minhas manias...

 

 

 

 

Meu amigo Carlos Alberto…
www.umbreveolhar.blogs.sapo.pt
 


Propôs-me um desafio que consiste em desmascarar-me…

E publicar ao menos 5 manias ou hábitos pessoais…
Ainda tenho de nomear 5 bloguistas que deverão fazer o mesmo…

Vou vos cuscar ai isso vou…
Então bora lá vamos a isto…

1ª mania…

Acender a maquina de café após o primeiro minuto que acordo…


Detesto tomar café depois de lavar os dentes…
Mas teimo sempre em lavrar e depois tomar café…


Todos os dias digo, amanha deito-me mais cedo…
Mas dificilmente isso acontece..


Tenho de adormecer com os auriculares a ouvir musica…
·
(Mudei de turno, passei para a manha, agora até já adormeço vendo somente TV)


Desconheço mais manias em mim… Perguntei a meus filhos?
Responderam… (Gritas muito)
Será?

Agora a 6ª que não me foi pedida…
Mas explicada pelo meu filho…
Mama dizes sempre a verdade?
Respondi que sim…
Resposta,  não podes..
Senão o exame é anulado, assim acontece nos exames nacionais…
Agora pergunto eu?
Que raio de educação damos nós pais, se os penalizam nas escolas…
Assim sendo anulem a minha 5ª mania ahahahahahhaah

Vou alterar as regras destas manias…

Não vou citar nomes…
Mas sim convidar a todos os meus amigos para participarem se acharem que devem…
Sejam coerentes e verdadeiros nas vossas manias…
beijos…


Alzira Macedo

 

http://blogs.blogs.sapo.pt/157050.html#ponto2
sinto-me: Manienta...
musica: beijinho...
publicado por Alzira Macedo às 22:17

link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
 O que é? |  O que é?
Segunda-feira, 22 de Fevereiro de 2010

hoje, apenas hoje...

 

 

 

Hoje


 Tirei um tempo para escrever
nada me ocorre…
Melancolia se apodera.
Sacudo…
Não a quero, nem sentir sequer
Porque motivo terei eu de ficar triste…
Se estás aí me esperando…
Numa curva, na próxima esquina
sorridente
balançando ao vento
abrilhantando meu caminhar
os sons da noite quero ouvir…
teus sons me chegam de longe
e tão perto…
Teu sorriso consigo imaginar
que estarás tu agora a pensar
de mim.
De ti…
do que me pode esperar
Sou filha da madrugada,
das tempestades
do vento
não tenho, dono
nem casa
sou volátil
sou versátil
agora penso
depois sorrio
e outro depois choro
nem sempre sou igual
nem sempre diferente
sou mar
sou brisa
sou sol
e sou alento
Vem…
abraça-me
eleva-me
faz-me sorrir
faz-me viver
como se não existisse amanha
como se hoje fosse o fim
das dores…
do silencio
continuo eu…
serei sempre eu…
implacável
na desordem dos sentimentos…
continuando serena nos acontecimentos
aqui estou, aqui espero
o decorrer da vida…

 

 

Alzira Macedo

 

 

 

 

http://blogs.blogs.sapo.pt/157050.html#ponto2
sinto-me: comigo propria
musica: My luky day
publicado por Alzira Macedo às 21:53

link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
 O que é? |  O que é?
Sábado, 20 de Fevereiro de 2010

Meu Dia

 

 

Quanto tempo fiquei sem escrever, sem dar noticias minhas…
Uns dias, que para mim se tornaram uma vida…
Me parece que estou a sair de um coma…
Quando adormeci estava tudo bem, agora ao acordar
Nada encontro tudo de costas viradas…
Mas que raio se passa na cabeça das pessoas?
Porque são tão lunáticas…
Ainda á poucos dias há sorrisos, abraços, espera…
E de repente não consigo te encontrar, saber de ti, porque partis-te,
Fico perdida nas minhas memorias…
Ainda paro para reflectir se realmente estive assim tanto tempo fora…
Não claro que não… Até porque a net não é minha vida…
Pois bem meus amigos, sabem o quanto adoro escrever, mas também escrever algo que me dei-a prazer…
E não escrever por escrever….
Depois de um longo dia de trabalho e dois filhos esfomeados á minha espera…
Me restam poucas forças para a internet…
Ai como eu sofro… (ahahahaha)
Não fora de brincadeiras…
Deixei de trabalhar a noite sim noite não…
Agora trabalho todos os dias das 8h e por vezes até ás 17h30
È verdade trabalho como gente grande ahahahaha
Mas vamos ao que se segue…
Isto é apenas uma introdução ao que quero escrever a seguir e para que entendam que não me esqueci dos amigos…
Já agora uma beijoca bem fofa,  para os que me esperaram e para os que sempre me visitaram…

 

 

 

 Hoje sai do emprego um pouco mais cedo… 16h45 ena estou a fazer progressos já consigo sair mais cedo …
O dia estava belo, um pouco frescote,  mas brilhante,  um sol tímido aquecia essa tarde…
Olhei de um lado para o outro e sorri…
Quantas pessoas na rua, os trabalhadores de obras metiam-se com qualquer pessoa que passa-se… Sorri e pensei  não podem ver um rabo de saias…
Na hora do almoço quando tinha saído para tomar café aconteceu-me o mesmo…
Mas nessa altura estava fardada…
Ao sair então já ia vestida normalmente…
Ao passar, fui abordada por um deles, respondi sorridente porque os conhecia…
Trabalham á tempos para o mesmo patrão que eu…
Mas o engraçado é que ele não me reconheceu e tentou um flirt…
Gargalhei e disse,  depois dizem que o patrão é mau…
Ainda vos paga para tentar fazer engate…
Olhou estupefacto e disse…
Mas não lhe vais dizer, porque não o conheces…
Parei e disse.. Não?
Olhou para mim, assobiou e disse…
Xiiiiii… Mas que grande diferença da farda para o normal… (Será elogio pensei eu, ou não?)
Demos uma gargalhada e continuei caminho…
Depois senti a vontade de não vir logo para casa…
Não fui pela auto-estrada como sempre faço.
Dirigi em direcção á marginal…
Sentia saudades do meu mar…
Mas que bela paisagem á minha frente…
Vivi cada momento cada segundo…
Vi a felicidade dos namorados que passeavam de mão dada, ou mesmo abraçados…
As crianças com rostos corados que corriam atrás da bola, outros de bicicleta…
Alguns mais idosos passeavam o cão…
Alguns aventureiros sentados nas esplanadas dos cafés…
Não estava frio, mas um pouco de vento, trazia a brisa do mar…
Senti o cheiro entrar nas minhas narinas.
Olhei para o lado, o mar enrolava-se de onda para onda…
Os barcos balançavam de lado para lado…
Como se estivessem a dançar…
Um raio de sol iluminava o mar, dava-lhe uma cor de prata…
As gaivotas sobrevoavam a felicidade existente…
A liberdade delas era encantador…
Adorei ter tomado essa decisão pela beleza que eu estava a admirar…
Percorri  a marginal até o passeio alegre da povoa, lentamente, para que nada me escapasse…
senti-me feliz e não era eu que estava no café, ou passeava o cão, ou estava de mãos dadas, nem mesmo abraçada…
senti uma invasão de felicidade por ver gente feliz…
Como sabe bem observar o que nos rodeia…
E momentos de felicidade como este, acreditem vale a penas presenciar…

 

 

Alzira Macedo

 

 

 

http://blogs.blogs.sapo.pt/157050.html#ponto2
sinto-me:
publicado por Alzira Macedo às 22:31

link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito
 O que é? |  O que é?
Terça-feira, 9 de Fevereiro de 2010

Segue-me

 

 

Pediste-me para escrever

Ao som da melodia que ecoa suavemente
me encontro só…
 contigo e com o universo
palavras roucas de prazer, invadem minha alma
meu mundo
como te quero
como te preciso
te procuro
o destino esconde de mim o melhor que está para vir
ou o pior que já me aconteceu
Desconheço
as curvas a contornar
os caminhos a enfrentar
cegamente, me encaminho
sentindo
buscando
ansiando
longe no horizonte te encontras
não te vejo
sinto
encontro um leve versejar
que me dá coragem de enfrentar
obstáculos
lágrimas soltas
gemidos reprimidos
de prazer ou mesmo loucura
como anseio ter as respostas certas
a formula de conseguir atingir sem sofrer
A vida é uma maratona
de conquistas e derrotas
um turbilhão de sentimentos
que num momento não estão
 e de repente o mundo se transforma
eu
 cá fico esperando dias melhores
enquanto isso vou-me evaporando no tempo
te deixando os melhores momentos
Que me resta…
meras recordações
de fragmentos do tempo
cansei-me de falar em amor
torna-se monótono
torna-se igual a sempre
escondido nas lua,  nas estrelas
quero algo diferente
enfrento o mundo
mesmo o planeta
quero ser diferente
ser apenas eu
com mau feitio
meu sorriso
  que nasceu comigo
o teu
que ainda não desenvolveste
quero mudar este ritmo do bom comportamento
simplesmente desafiar ou aniquilar
estas tempestades que me fazem a vida desafiar

Alzira Macedo

 

 

 

http://blogs.blogs.sapo.pt/157050.html#ponto2
sinto-me: Desafiadora
musica: Eu Juro
publicado por Alzira Macedo às 22:56

link do post | comentar | ver comentários (15) | favorito
 O que é? |  O que é?
Sexta-feira, 5 de Fevereiro de 2010

Vivendo um sonho, para atingir a realidade...

 

 

 

Vivo por ti


Pensando em ti
somente em ti
 sem saber se me consegues seguir
se consegues, me amar de verdade
se sabes o que sou
como me sinto
como me revelo
perdida no tempo, ou nas curvas da vida
passeio sem saber onde parar
onde sorrir e onde chorar
vivo pela vida
pelo amor que me acalenta
que me sufoca
que quer ser vivido e partilhado
sinto vontade de gritar
Amor não te esqueças de mim
quantos passos dou sem saída
quantas palavras ficam sem serem ditas
quantos momentos reprimidos
quantas saudades
vivo por ti
pelo amanha
neste sonho que me acompanha
que de mim por vezes foge
quando te sinto distante
a força própria da vida
que nos separa
e que nos faz reencontrar
num embalar de emoções
quanto para dizer,
para sentir
para partilhar
num amanhecer de uma noite de amor
num mar de pétalas de rosas, por nós desfolhadas
deixando cair
em cada pétala uma promessa
de querer mais
de ti amor
de teus sorrisos, gemidos
de calafrios pelo acontecimento
e no êxtase
 podermos rebolar nos lençóis que nos desnudem
olhando o olhar de cada um
repletos de felicidade
nesta noite de mil maravilhas

 

 

 

 

Alzira Macedo

 

 

 

 

http://blogs.blogs.sapo.pt/157050.html#ponto2
sinto-me: vivendo por ti
musica: Cosa sei...
publicado por Alzira Macedo às 21:51

link do post | comentar | ver comentários (12) | favorito
 O que é? |  O que é?
Segunda-feira, 1 de Fevereiro de 2010

Porque sou assim...

 

 

 

Porque nunca desisti…



Refugiei-me no silencio
para acalmar minha dor
encontrar respostas ao que me perturbou
aos acontecimentos
que se atropelaram em minha alma
fiquei ávida
desmotivada
triste
enraivecida
desprezei a vida
apenas quis escuridão
quis sofrer sozinha
sem nada dizer
para não martirizar
para não entristecer
porque me carimbaram
como forte
como guerreira
como confiante
como feliz e sorridente
Não quis que notassem
nas trevas que entrei
os dias e as noites que chorei
o desgosto que de mim se apoderou
e pouco do que era restou
refugiei-me
para me encontrar de novo
para voltar sorridente
forte como sempre
Hoje aqui estou
derramando uma lágrima
um sorriso
um aconchego
não depende somente de mim
o tempo que irei ficar
depende de vários factores
chamados VIDA
essa que pode ser bela
como triste
sinto-me num impasse
se voltei
ou se permanecerei
 perdida mais um tempo
neste desaguar de desencontros
ou nesta luta de conquista
porque não desisto
 nunca desisti
não desistirei , enquanto viverei

 

 

Alzira Macedo

 

 

 

 

http://blogs.blogs.sapo.pt/157050.html#ponto2
sinto-me: Tentando não desistir
musica: Caravan
publicado por Alzira Macedo às 22:04

link do post | comentar | ver comentários (10) | favorito
 O que é? |  O que é?

Visitantes


jeux de casino internet

Sou assim...

Nas asas da imaginação, sentimo-nos que nem borboletas. Voláteis, frágeis e livres Image Host

Julho 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
27
28
30
31

pesquisar

 

posts recentes

Um despejar...

Triste amanhecer

Quando cai a noite...

Mulher vulcão

"Melhor Presente"

Momento de reflexão

Momentos...

Folhas em branco

Coração bate forte

Imagem que não é a minha....

Uma brisa vinda de longe

Disfarçada em poeta...

Apenas palavras soltas, s...

Um desabafo solitario

Amor Maduro

Tu, eu e a noite

Quando a tristeza nos inv...

Esperanças sofridas

Saudades matam

...

Momento de reflexão

< <

Myspace Photo Cube

Apareça o sol! - Recados e Imagens para orkut, facebook, tumblr e hi5

mais comentados

Arquivos

Julho 2014

Abril 2014

Março 2014

Outubro 2013

Setembro 2013

Julho 2013

Março 2013

Novembro 2012

Setembro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

favorito

A perfeição...

As Contradições do Amor

Quem serei eu

Alzira Macedo-dueto-Sonho...

Teu Nome

Homem do Mar

Amanhecer

Somente Tu

Um pouco sobre mim ...