Sábado, 13 de Setembro de 2008

Sabado á noite e cá estou eu....



 

Ao escrever este titulo me lembrou da musica .....

" Me perdoem mas já não me lembro de quem"


(Sexta feira á noite  lá vou eu ter com quem me ama)

 

o resto já não sei!!!!!


xiiiiiiiiiiiiiii este sábado estou mesmo estoirada.

pois estas musicas são  do meu tempo, nao deveria me esquecer quem  a canta....

Hoje tenho vontade de escrever e dizer, de partilhar.

Pois como muitos de vocês hoje trabalhei de tarde….

Amanha já estou de matina....

enfim minha vida tem sido um corre, corre....

Imaginem só que já não sei quando estou de folga ou de ferias se as tenho ou até qual é o meu turno....

Podem me dizer " é assim que se inicia a Alzheimer"

Concordo pois disse isso enumere de vezes...

hoje estou  num dia daqueles..

Aliás já tem sido assim há algum tempo.

Tento sempre sorrir ter boas palavras….

Sou sempre sincera, mas sinto-me perdida na multidão de coisas e projectos de vida….

Bem vou deixar de dizer o que sinto porque se assim continuar até vos baralho a cabeça….

(pelo menos consigo isso ahahahahah)

O que vim cá fazer?

Dizer que minhas ideias estão estritas e que não gosto de fazer o mesmo comentário nos blogs que tenho….

Mas este é tão importante para mim que vou o repetir….

Desejo a todos vós um excelente fim-de-semana e pensem em mim quando estiveres a divertir-vos….

Porque eu estarei a trabalhar….

 

 

 

 

Não sei e até sei….


Não sei se devo pensar
até sei, que sem pensar não vivo
não sei se devo chorar
até sei que chorar alivia
não sei onde estás
até sei que algures te encontras
não sei tanta coisa
e até sei muita
mas nunca sei ao certo o que procuro
para onde vou, tudo é escuro
o que quero saber
tudo se esconde num belo amanhecer
duvidas, duvidas e mais duvidas
fazem parte do nosso viver
o que não quero
é que duvides deste meu amar
uma forma muito especial
talvez irracional
mas é minha forma de ser
nesta vida incerta que teima em aparecer
manobras contrariadoras, nos fazem vacilar
por isso teimamos em desconfiar
nosso intimo desperta alerta
algo acontece e nosso coração aperta
querer é um poder
que dificilmente conseguimos entender
o desejo é tanto
que perdemos sem o obter
recuamos na teimosia
de não querer estender a mão
maltratando o coração…



                                                                                            Alzira Macedo


 

http://blogs.blogs.sapo.pt/157050.html#ponto2
sinto-me: nao sei e até sei
musica: nao preciso de musica para dizer o que sinto
publicado por Alzira Macedo às 22:35

link do post | comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
comentarios:
De Viajante dos ventos a 14 de Setembro de 2008 às 10:07
Adorável este teu último filho querida ZIRA. A perfeição de Deus se revela no amor que ele colocou dentro de nós. Basta apenas que o deixemos fluir como rios de água viva que nada nos poderá tirar a felicidade. Foi por esse motivo que Deus o criou e colocou dentro de nós porque ele sabaia que aqueles que conseguissem entender essa fórmula, com certeza conseguiria superar todas as adversidades e alcançar a felicidade!!!
Felicidade é o que te desejo!!!!
Grande abraço!!!!
De Sonhosolitario a 14 de Setembro de 2008 às 21:25
olá amiga Alzira,como estou aqui neste domingo fui da mesma maneira que estavas aqui no sabado,a esta mesma hora,pensando meditando,sonhando,escrevendo,navengando no ereal ,emaginario da vida,á vida do sonho que não podemos deixar de sonhar no real ,e não real,nas contradiçoes da vida,sonhos perdidos sonhos estragados,sonhos passados,que jamais voltaram,porque a vida segue enfrente,ou então paramos no tempo e parar no tempo,é igual morrer, deixar de sonhar,como esse teu filho que acabou de nascer
um lindo poema com muito merito de uma beleza incrivel merecedora de um oscar .
obrigado por tão dita beleza por tuas mãos escrita ,e repartires com os teus amigos ,
doce beijo ,
uma semana muito feliz,
ps.não trabalhes muito porveirinha tambem tens direito a ferias ,lol porque a vida é curta..
sonhosolitario
De estrelaquebrilha a 15 de Setembro de 2008 às 15:35
Muito bonito este teu poema.
bj e boa semana
De Cöllyßry a 16 de Setembro de 2008 às 17:56
À s vezes somos nós proprios a maltratar o coração, outras quem amamos...A vida é sempre fruto do passado...

Fica bem, terno beijo
De Anónimo a 25 de Setembro de 2008 às 15:55
O Cantor do "Sexta feira á noite é o LUIS MANUEL...
Bjs
De Pequenina a 6 de Outubro de 2008 às 23:05
Querida Alzira, estou a visitar mais uma de tuas moradas, e a cada passo dado, mais surpreendo-me com o teu bom gosto e a beleza do teu trabalho. Parabéns Querida, excelente!

Beijos... Pequenina

Comentar poste

Visitantes


jeux de casino internet

Sou assim...

Nas asas da imaginação, sentimo-nos que nem borboletas. Voláteis, frágeis e livres Image Host

Julho 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
27
28
30
31

pesquisar

 

posts recentes

Um despejar...

Triste amanhecer

Quando cai a noite...

Mulher vulcão

"Melhor Presente"

Momento de reflexão

Momentos...

Folhas em branco

Coração bate forte

Imagem que não é a minha....

Uma brisa vinda de longe

Disfarçada em poeta...

Apenas palavras soltas, s...

Um desabafo solitario

Amor Maduro

Tu, eu e a noite

Quando a tristeza nos inv...

Esperanças sofridas

Saudades matam

...

Momento de reflexão

< <

Myspace Photo Cube

Apareça o sol! - Recados e Imagens para orkut, facebook, tumblr e hi5

mais comentados

Arquivos

Julho 2014

Abril 2014

Março 2014

Outubro 2013

Setembro 2013

Julho 2013

Março 2013

Novembro 2012

Setembro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

favorito

A perfeição...

As Contradições do Amor

Quem serei eu

Alzira Macedo-dueto-Sonho...

Teu Nome

Homem do Mar

Amanhecer

Somente Tu

Um pouco sobre mim ...