Sábado, 5 de Dezembro de 2009

Eu no tempo...

 

 

 

Tu, eu…o tempo

Nunca me perguntes o porquê..
Não saberei responder…
sei apenas que quero viver
esta vida sem dor
sem contratempos
sem limites
sem preconceitos
apenas quero ser eu
pensei um dia poder escrever algo bonito sobre alguém
fecho os olhos e imagino
então me decorre todo o meu destino
vivido até gora porque o depois é desconhecido
Não encontro sabedoria para te ajudar
encontro o meu percurso de vida
que tantas curvas perdi
tantos sonhos me esqueci
tantas vivencias desconheci
tanto de tanto perdi
irei a tempo para reviver…
serei capaz de dar a volta por cima
e conquistar o que não me deixaram
o que me prenderam
de viver o que sempre sonhei
o que sempre desejei
o que sempre quis
Nada disso importa…
Apenas o que me oponho agora
 que faço hoje
o que desejo e realizo
são momentos marcantes para mim…
Sim…
porque para ti nada dizem
não é teu viver
não são teus sonhos
não são teus ideais
como somos diferentes
e ao mesmo tempo iguais
somente com passagens diferentes
Os desejos e as conquistas
esta razão de viver
tão presente
de uma forma idealista mas distante
em cada minuto em cada presença
em cada sobrevivência….

 

 

Alzira Macedo

 

http://blogs.blogs.sapo.pt/157050.html#ponto2
sinto-me: Envolvida no Tempo
musica: Encosta-te a mim
publicado por Alzira Macedo às 02:30

link do post | comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
comentarios:
De Sonhosolitario a 5 de Dezembro de 2009 às 09:33
Olá amiga Alzira
Bom dia.
Tu e o tempo.
Gostei e me encantou
O tempo é feito no pensamento
Há tempo e contra tempo
E nós temos que pensar a tempo
Se não ficamos fora desse tempo
Temos a actualidade do tempo
Tempo de saudade.
Tempo do amor
E tempo da bondade
Mas há tempo para tudo
Mas tudo depende do tempo
Assim dizia meu avô
Ai tempo! Tempo
Porque todo tempo e´uma nora
Vota dentro e cai fora.
Como se fosse uma roda do tempo
Temos muito se falarmos do tempo
O principal é saber aproveitar o tempo
Porque todos vamos a tempo…

Um doce beijinho
Deste teu amigo
Sonhosolitario amigo de longo tempo

De Alzira Macedo a 7 de Dezembro de 2009 às 12:30
Oi amigo....

Brigado pela tua passagem...
mas que trocadinho este do tempo hein...
Quem andou á rodo com o tempo fui eu ahahaha
beijo para ti e obrigado pela tua presença.. sabe bem ter amigos nesta altura onde o desánimo paira no ar...
beijocas
De Zé Marques a 5 de Dezembro de 2009 às 18:04
Olá ZIRA amiga, como é bom saborear " teus poemas, teus desabafos, teus sentimentos, no fundo tudo aquilo que te vai na alma.... magnifica, a maneira como as palavras brotam do teu coração! estou encantado com a maneira simples e a humildade que colocas em todos os teus trabalhos.... parabéns , sou teu admirador.
Um grande abraço do Zé Marques.
De Alzira Macedo a 7 de Dezembro de 2009 às 12:34
Olá Zé...
Mas que prazer te saber por estas paragens...
Não sabia que me cuscavas em silencio ahahah
Tou a brincar já sabes como sou...
Olha amigo obrigado pela preferencia e sabendo que já tenho um admirador... Isso entao faz de mim mais importante ahahaha
Sabes o quanto prezo saber o que pensas dos meus escritos... Afinal nao fujo muito á regra do que me conheces...
Sincera humilde e simples...
Mas uma sonhadora, com grande imaginação e uma romantica sem remedeio ahahaha...
Devaneio no mundo dos sonhos vou apanhando um li outro aqula e vou descrevendo o que consigo recordar...
beijo para ti amigo e volta sempre....
De 100timento a 7 de Dezembro de 2009 às 13:07
Para ti Alzira
feliz de novo visual
Minha amiga, companheira
De jornadas virtuais no tempo
Sem lamento
Com alegria
Por ter-te encontrado um dia

Voamos através de letras
De sonhos, futilidades
Em fortes e densos pensares
Sentidos
Vividos
Plenos de actualidades

Discutimos, concordamos
Sentimentos tão iguais
E falamos, adivinhamos
Dizeres
Fazeres
Sei lá que mais

A distância, o isolamento
Por necessários motivos
Da vida que passa inclemente
Não mudou
Só reforçou
A amizade dos sentidos

Com atenção absorvo leio
Doces palavras e sigo
Coincidências de nós
Na voz
D’amigo
“Nunca percas o sorriso”

Beijinhos do rui

PS este teu poema vai para os meus favorito
De Alzira Macedo a 7 de Dezembro de 2009 às 13:27
Oi Rui...

Estou sem palavras...
Esteu comentario encheu-me as medidas amigo (È assim que se diz aqui pelo norte)
Encheu-me as medidas porque amiro-te como ser humano mesmo desconhecido que és para mim...
Na forma com escreves como dizes e ages...
Sim não te cohecendo vou te imaginando atravez do qu escreves e sei que não estou muito longe da verdade...

O novo visual do meu blog está longe de se perfeito ou como desejaria...
Mas sou teimosa e entao olha consegui mudar um pouco. Mas vou ser ainda mais teimosa pk quero alterar mais ainda.... Mas demora pk sou uma toto nestas coisas amigo ahahahah

Sobre o que me escreves em poesia agradeço e concordo...
Porque discutimos descobrimos e falamos a mesma lingua o mesmo pensamento e a mesma forma de existencia...
Diria mais se existisse alma gemea encontrei a minha em ti...

Fiquei sensibilizada com guardares este meu poema em teus favoritos...
serviu-te que nem uma luva Rui...

Quem me conhece bem, sabe que na escrita sou eu no mais profundo da minha alma dos meus desejos dos meus sonhos de todo o meu ser...
No dia a dia, sou a pessoa que tenho de ser..
Que fizeram de mim, que me educaram...
Mas cá dentro, bem cá dentro sou eu e ninguem me poderá tirar ou derrubar...

Beijo para ti amigo...
E obrigado pela oportunidade que me deste em te conhecer...
Fiquei uma pessoa mais rica em conhecimento e partilha...

Comentar poste

Visitantes


jeux de casino internet

Sou assim...

Nas asas da imaginação, sentimo-nos que nem borboletas. Voláteis, frágeis e livres Image Host

Julho 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
27
28
30
31

pesquisar

 

posts recentes

Um despejar...

Triste amanhecer

Quando cai a noite...

Mulher vulcão

"Melhor Presente"

Momento de reflexão

Momentos...

Folhas em branco

Coração bate forte

Imagem que não é a minha....

Uma brisa vinda de longe

Disfarçada em poeta...

Apenas palavras soltas, s...

Um desabafo solitario

Amor Maduro

Tu, eu e a noite

Quando a tristeza nos inv...

Esperanças sofridas

Saudades matam

...

Momento de reflexão

< <

Myspace Photo Cube

Apareça o sol! - Recados e Imagens para orkut, facebook, tumblr e hi5

mais comentados

Arquivos

Julho 2014

Abril 2014

Março 2014

Outubro 2013

Setembro 2013

Julho 2013

Março 2013

Novembro 2012

Setembro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

favorito

A perfeição...

As Contradições do Amor

Quem serei eu

Alzira Macedo-dueto-Sonho...

Teu Nome

Homem do Mar

Amanhecer

Somente Tu

Um pouco sobre mim ...