Segunda-feira, 31 de Janeiro de 2011

Acorrentada ao amor


 

As amarras de uma paixao


 

Naveguei em teu corpo
como o barco navega no mar
teus braços senti como remos
dirigindo-me para o leito do amor
onde me desnudei
e a ti me entreguei
na noite calma ali...
tu e eu
sem pressa,
sem vontade de regressar à realidade
beijos soaves foram trocados
chamando o desejo
as estrelas testemunharam nossas juras
a lua minhas lagrimas de felicidade
foste minha fonte de inspiraçào

meu amor tornou-se poesia
encantando-me à luz do dia
o vento virou
e de mim te levou
deixando-me um vazio
afoguei na fonte das incertezas
lavando lagrimas de tristeza
apenas restou a recordaçào
de uma paixao
que aprisionou, unicamente meu coraçào

 




Alzira Macedo

 


 

http://blogs.blogs.sapo.pt/157050.html#ponto2
publicado por Alzira Macedo às 19:37

link do post | comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
comentarios:
De A.S. a 5 de Maio de 2011 às 16:07
Deixei-me flutuar na deliciosa sensualidade das palavras...

Beijos,
AL
De Alma poeta... a 14 de Outubro de 2013 às 07:46
Sempre que sentir essa necessidade não peça permissão a ninguém e força...
Deixar-se flutuar é embriagar-se de bem estar...
Assim seja sempre..
De emanuel moura a 14 de Outubro de 2013 às 22:34
Apenas a certeza que a realidade e dura de se viver de um momento para o outro tudo se transforma ,assim e o amor doce como mel e amargo como fel ,beijinhos
De Alzira Macedo a 15 de Outubro de 2013 às 09:37
Ej Moura...
Dependendo do momento em que lemos, como estamos e sentimos essa escrita que bebemos e depois o nosso intimo revela ser juiz da matéria...
Melhor que seja mesmo mel essa vivencia do amor, sabendo nós que nem sempre assim é...
Mas que fazer senão caminhar sorrindo ás belas recordações que nos deixa...
Bjs
De SAM a 15 de Outubro de 2013 às 11:36
Amar é doar-se por inteiro, sem amarras, sem sufoco- Amor cobrado é doentio, é neura!!

De Alzira Macedo a 15 de Outubro de 2013 às 11:39

É exatamente isso Sam...

Infelizmente nem todas as mentes estão preparadas para isso e agarram-se ao que não deve ser agarrado, para poder crescer em liberdade...
Obrigada pela tua partilha e passagem no percurso de vida...

Comentar poste

Visitantes


jeux de casino internet

Sou assim...

Nas asas da imaginação, sentimo-nos que nem borboletas. Voláteis, frágeis e livres Image Host

Julho 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
27
28
30
31

pesquisar

 

posts recentes

Um despejar...

Triste amanhecer

Quando cai a noite...

Mulher vulcão

"Melhor Presente"

Momento de reflexão

Momentos...

Folhas em branco

Coração bate forte

Imagem que não é a minha....

Uma brisa vinda de longe

Disfarçada em poeta...

Apenas palavras soltas, s...

Um desabafo solitario

Amor Maduro

Tu, eu e a noite

Quando a tristeza nos inv...

Esperanças sofridas

Saudades matam

...

Momento de reflexão

< <

Myspace Photo Cube

Apareça o sol! - Recados e Imagens para orkut, facebook, tumblr e hi5

mais comentados

Arquivos

Julho 2014

Abril 2014

Março 2014

Outubro 2013

Setembro 2013

Julho 2013

Março 2013

Novembro 2012

Setembro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

favorito

A perfeição...

As Contradições do Amor

Quem serei eu

Alzira Macedo-dueto-Sonho...

Teu Nome

Homem do Mar

Amanhecer

Somente Tu

Um pouco sobre mim ...