Domingo, 27 de Janeiro de 2008

Só um olá

 

Bom dia...
Tiveram um bom acordar?
E como foram esses sonhos?

publicado por Alzira Macedo às 07:06

link do post | comentar | favorito
Sábado, 26 de Janeiro de 2008

Nao deixes de me ler

Passei aqui mais uma vez, para te deixar este recadinho

 

penso em ti e te desejo um

 

 

 

 

publicado por Alzira Macedo às 13:42

link do post | comentar | favorito

poesia enviada

 Poesia...

PERTO DE VOCÊ

 

No relaxar de um banho quente  

Fecho os olhos e viajo...

Procuro algo que talvez nunca encontre   

Demoro, mas te acho

Que alegria, que felicidade!!!

Sinto o seu perfume suave, beijo suas mãos

Toco seu rosto macio

Sinto-me anestesiado nesse momento...

De repente abro os olhos

Procuro você...

Sinto o seu perfume

Minha alma

É tomada por uma alegria sem fim

Então me questiono:

Que é isso?

Deveria estar triste, ela não está aqui...

Mergulhado em meus pensamentos

Percebo que o motivo de tanta felicidade

É saber que mesmo estando longe 
Você faz parte do meu ser


                                                                                   Viajante dos ventos
                                                               

  

                                                              

 

publicado por Alzira Macedo às 11:49

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Sabias que....

 

publicado por Alzira Macedo às 11:03

link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 25 de Janeiro de 2008

Aos amigos

Certo dia o Amor virou-se para a amizade e disse: Para que existes tu, se já existo eu?
A amizade respondeu, para repor um sorriso onde tu deixaste uma lágrima.

A amizade aumenta a felicidade e diminui a desgraça, porque multiplica a nossa alegria e divide o nosso desgosto.

Ninguém larga sem dor o que conquistamos com carinho e amor.
Isso também acontece nas amizades, amigos verdadeiros são bênção de Deus
que não se compra não se empresta não se dá,
mas conquista-se com humildade sinceridade.
A amizade é tão importante como o amor em nossas vidas.
Aos meus amigos, os mais presentes e os que por múltiplas razoes estão mais distanciados, quero hoje homenagear e agradecer toda esta longa caminhada na nossa amizade.
Obrigados por poder contar sempre com vosso carinho e dedicacao

Esta musica é para vós cliquem no link

http://br.youtube.com/watch?v=Ru30ABvNnrw

Um beijo em vosso coração.
                                                                    Alzira Macedo

publicado por Alzira Macedo às 19:08

link do post | comentar | favorito

Iniciar um blogo não é fácil, dá mais trabalho do que eu poderia imaginar.

 

Então mão á obra e deixa-me escrever o que me vai na mente

Estou , hoje cá para escrever algo que me vai na mente, porque imagens são bonitas mas encontram-se em todos os blogos e outros sites…. ( este também não vai fugir á regra)
Concordo que dão cor á vida e para o olho é importante.
No entanto uma boa conversa, uma boa mensagem, uma boa leitura é tão importante como viver.
Pois nos ensina a ver outros horizontes  e sabermos que não somos os únicos neste dilema.
vou escrever sobre
...

A  VIDA E O AMOR...

Por onde começar?
Pois pelo princípio e conto contigo para me apoiares a divulgar as vertentes que estes sentimentos tem….

Por vezes as pessoas que amamos e admiramos nos magoam, nada podemos fazer senão continuar nossa jornada com o coração ferido.
E porque fazemos isso? Porque amamos tanto e respeitamos esse ser, que damos logo o perdão das suas atitudes. (Daí a expressão o tempo cura tudo)

Às vezes, nos falta a esperança, mas alguém aparece para nos confortar…
esse alguém não precisa ser nosso amigo (a), pode ser até um desconhecido (a) encontrado por acaso. Ao trocar algumas palavras, chega para entender o quanto á sofrimento no ser humano. E o quanto as pessoas estão carentes em todos os sentidos, por isso a esperança é um sentimento que não morre, porque se quer conseguir sair desse luto, dessa agonia que a própria vida o ou nosso quotidiano nos proporciona.

Também chegamos a perder a fé, porque nos revoltamos com tudo e com todos. Perdemos a confiança em tudo porque nos sentimos tristes revoltados.
No de caminhar, dessa revolta sentimos a necessidade de acreditar seja no amor, seja nas pessoas, seja mesmo em Deus.
Agora me irão perguntar porquê?
difícil explicar… isso é muito relativo cada um de nós pensa á sua maneira. ..
Alguém se sente bem viver sozinha? Desamparada (o) sem amigos, sem conversa, sem dar a sua opinião e sem saber se alguém nos encontra o máximo e gosta de estar connosco.
Creio que não.  
Por isso precisamos ter fé em alguém ou algo acreditar na vida, acreditar que ainda somos importantes para alguém, só assim nossa existência tem sentido.
Quantas vezes nos sentimos sem rumo, até alguém entrar em nossa vida. Não importa o tempo que seja , muda logo o nosso destino.

Às vezes estamos no meio de centenas de pessoas, e sentimos um desconforto no peito.
(chamam de insegurança) outros, vão mais profundo e chamam de solidão.
Solidão,  palavra essa  que ninguém gosta, porque define o quanto nos sentimos sós mesmo rodeados de pessoas. Porque nos falta  aquela pessoa que nos entende que sabe como somos interiormente, não como demonstramos por vezes.
Falta-nos aquele (a) ser mágico (a) que nos dá a sensação de ocupar todo o espaço do universo.

Às vezes… a dor nos faz chorar, nos faz sofrer, nos faz querer parar de viver…
até que algo ou alguém toque o nosso coração.

Algo simples como a beleza de um pôr-do-sol,  a magnitude de uma noite estrelada,  

a simplicidade de uma brisa nos afagando o rosto.
É a força da natureza nos chamando para a vida.
 

Alguém
que nos pede a mão, que nos implora em o ouvir, em o ajudar porque se sentem só e desamparado pela sociedade. Ainda mais abandonados, mais tristes do que nós próprios.
È a força da resistência, do querer viver, o dom da dádiva e da entrega do ser humano

A... VIDA... E... O... AMOR
É UM DOM
DO SABER DAR, SABER ACEITAR, E SABER PERDER

Pensem e comentem.

                                

                                                      Alzira Macedo

 



publicado por Alzira Macedo às 13:31

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Quarta-feira, 23 de Janeiro de 2008

A nossa cultura

 Silencio, que se vai ouvir o fado

    

 Clique nos links abaixo para poder visualizar e ouvir estes maravilhosos fados

http://videos.sapo.pt/CC8ZBfZgYPmhP54ffwr8
lisboa tocada por José Nunes

 

 http://videos.sapo.pt/7klqF80Nn5HCvhOiEmso
Vizita lisboa com Amalia Rodrigues

http://videos.sapo.pt/kdf5RIvOJh2wqndE0Tdo
Lisboa triste
"https://rd3.videos.sapo.pt/play?file=https://rd3.videos.sapo.pt/jN6WAz9ERkVHZJ7Pzc36/mov/1"
Vizita a Lisboa
http://videos.sapo.pt/B7vqHUQfRvQDZWLJZnSG
Mariza " Chuva"
http://videos.sapo.pt/i3hzj3e8SzMihzZ4ceAv
Mariza "fado meu"

http://videos.sapo.pt/8fpy6ahZeyFZhq4ilCWG
Mariza "gente da minha terra
http://videos.sapo.pt/CZw5tytM0po0h81GQEHo
Adelia Pedrosa "Prece"

 

 

 




 

 

publicado por Alzira Macedo às 14:07

link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito

Um beijo e uma flor

Alzira vos deseja

 

 

 

 

 

 

 

 

 

publicado por Alzira Macedo às 13:20

link do post | comentar | favorito

Liberdade

publicado por Alzira Macedo às 11:32

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

ventos que passam em nossa vida.

 

 

 

 

 

 

publicado por Alzira Macedo às 11:09

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Visitantes


jeux de casino internet

Sou assim...

Julho 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
27
28
30
31

pesquisar

 

posts recentes

Um despejar...

Triste amanhecer

Quando cai a noite...

Mulher vulcão

"Melhor Presente"

Momento de reflexão

Momentos...

Folhas em branco

Coração bate forte

Imagem que não é a minha....

Uma brisa vinda de longe

Disfarçada em poeta...

Apenas palavras soltas, s...

Um desabafo solitario

Amor Maduro

Tu, eu e a noite

Quando a tristeza nos inv...

Esperanças sofridas

Saudades matam

...

mais comentados

Arquivos

Julho 2014

Abril 2014

Março 2014

Outubro 2013

Setembro 2013

Julho 2013

Março 2013

Novembro 2012

Setembro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

favorito

A perfeição...

As Contradições do Amor

Quem serei eu

Alzira Macedo-dueto-Sonho...

Teu Nome

Homem do Mar

Amanhecer

Somente Tu

Um pouco sobre mim ...